Blog

RENATA CORDEIRO



Viajar – estilo, sem ser ridícula

Recentemente vi um casal muito alto na sala de espera de um aeroporto na Alemanha: ele de terno e gravata e ela de salto altíssimo e vestido decotado, super maquiada. Pareciam prontos para uma festa! Mas… estávamos para embarcar num avião!
Fui para minha poltrona e os vi passando… caminhando… pra econômica.
Se pra mim, que não sou nenhuma enormidade, a classe econômica fica apertada depois de algum tempo, imagine para aqueles dois! E com aquelas roupas incômodas! Não gostaria de estar na pele deles durante essas muitas horas de vôo. Devem ter chegado amassados!
Eu, que não tinha nada a ver com isso me espichei com minha calça de legging de malha grossa e uma camisa que não amassa e comprida pra cobrir os “países baixos” e fiquei à vontade. Aliás, pensando bem, nunca vi ninguém com roupa de festa ou terno na executiva ou na primeira.
Se você quer ser chic, chic mesmo, vista-se conforme a necessidade. Se vai num evento Black Tie, vá super mega bem vestida e se vai pegar um voo de doze horas, vista-se com conforto. Decote demais vai te atrapalhar na hora de se acomodar na poltrona de ladinho. Roupa justa, se tiver que pular o vizinho pra fazer xixi, vai dificultar, além disso prende a circulação. Calça jeans só é gostosa se for muito fininha e larga, nem aquelas strecht dão conta por serem justas demais. Mini saia nem pensar!! As únicas saias que devem entrar no avião são as longas largas ou midi evase. As retas são incômodas por que sobem ao sentar e não se moldam a qualquer posição. Muitos pecam ainda na escolha da meia, apertada na parte de cima podendo até causar problemas médicos!!
Outra dica: sou chata com higiene por isso uso sempre um sapato que possa ser aberto e recolocado com facilidade por que não vou descalça ou só de meia ao banheiro de jeito algum! Tem gente que não tem mira mas no meu pé é que esse líquido, seja xixi ou água, não há de chegar!! Sapatênis pode ser uma opção para ambos os sexos, uso da Puma ou Skechers que são deliciosos!
Homens esqueçam paletó, gravata e afins. Coloque uma calça confortável e camiseta de manga curta ou longa. Se tiver que seguir para uma reunião leve tudo separadamente num cabide, peça pra comissária guardar e se troque no aeroporto. Ou então use a calça e a camisa – escolha o tecido certo pra não aparentar que saiu da boca da vaca – e deixe gravata e paletó pra complementar o look na chegada.
Brincos são como roupa íntima, não andamos sem, então busque os que não vão machucar atrás da orelha ao apoiar lateralmente. Mãos incham portanto prefira os acessórios mais folgadinhos e colares, principalmente os longos, podem ficar agarrados te enforcando conforme você se mexe.
Enfim, em caso de dúvida escolha o conforto! Há que se ter estilo sem perder o bom senso! Bons voos!!

Compartilhe:Email to someoneShare on FacebookPin on PinterestGoogle+Tweet about this on Twitter

Posts Relacionados