Blog

RENATA CORDEIRO



Berlim x Caribe

Duas modas de temperaturas opostas!
Nessas últimas férias estive em pontos bem distintos do planeta: a cultura e estrutura da Alemanha e a beleza natural e solar do Caribe, mais precisamente nas Ilhas Virgens Americanas.
Difícil foi fazer a mala já que pulei de um lugar para o outro no mesmo dia. Me despedir da ideia de sair de casaco me custou… Aliás, sabendo que seria assim deixei uma mala pré separada para não entupir de casacos e calças compridas desnecessárias!
Berlim:
Minha paixão pelos chapéus, boinas e afins fica aguçada no frio e cachecol no pescoço é indispensável. A modernidade e a mistura da cidade se traduz também na moda e na diversidade dela mas a estação tem lá suas “regras”.
Os mantôs estão nas vitrines e nas revistas de moda, mais modernos ou mais clássicos, tomaram conta da moda inverno. Mas não das ruas.

berlim
O frio de verdade, como os três graus que peguei na capital alemã, com ventos que chamam de continental, ou seja, vindo da Rússia, vence fácil os ponchos. Por isso, os daunenjacke, ou jaquetas forradas de penas, são disparado, a roupa oficial das mulheres alemães de todas as idades. Quem tem a grana mais curta compra os sintéticos mesmo e o que não faltam são opções. Curtos, longos, por mil euros… O importante é estar protegida por muitos gomos pra encarar as baixas temperaturas. Os mantôs e sobretudos mais elegantes ficam fora do dia a dia, escalados apenas para quando não se vai andar muito pelas ruas. O que, aliás, em Berlim é um pecado… Muitas mulheres ainda complementam com roupas de fleece, um tecido fofinho e sintético, leve e bem quente. Beleza é fundamental mas não há charme que resista ao frio, né?
Caribe:
St. Thomas é uma ilha paradisíaca com águas claras e tax free. São muitas as opções de hospedagem mas a roupa oficial é o biquíni!
A principal entrada de turistas é com transatlânticos enormes e o Porto contém centenas de lojas de grifes e joalherias para todos os gostos. Sempre com ofertas e descontos. Balenciaga, Praga, Ferragamo, H.Stern, Bulgari e Guess estão lado a lado com brilhantes e pérolas, perfumes e aparelhos eletrônicos.
O mais engraçado é ver uma certa deselegância de biquínis e chinelos em torno de esmeraldas, diamantes e grifes.
Quem vem e fica na ilha desfila cores! Na maioria americanos – são menos de três horas de avião de Miami – com aqueles biquínis que parecem sobrar no “popo” e também muitas gordinhas com um estilo camiseta. São duas peças mas esconde a barriga.

caribe
Peles vermelhas são vistas por todos os lados e deixariam qualquer dermatologista horrorizado! Mas a praia é livre, e linda, e a vida aqui é relax. Nessas horas, quem se preocupa com beleza e estilo? Americanos é que não! Só mesmo nós, né?!?!

Compartilhe:Email to someoneShare on FacebookPin on PinterestGoogle+Tweet about this on Twitter

Posts Relacionados